2 18 novembro

Ponta Grossa/PR

Ministrando em Ponta Grossa. A presença de Deus nos surpreendeu nesta noite!
Enquanto isto minhas princesas brincavam aqui dentro de mim.

2 01 novembro

Senhor, Senhor!

No dia final muitos apresentarão diante de Jesus um vasto currículo “ministerial”: em teu nome eu fiz, fiz, fiz. Mas ele os rejeitará e os tratará como pessoas que “praticam a injustiça” ou “que praticam a iniquidade”. Iniquidade é a indisposição de reconhecer o direito do outro. Os que praticam iniquidade são aqueles que apesar de usarem o nome de Deus, não o honram como Deus. Não se relacionam com ele em amor. Honram mais sua posição diante dos homens do que diante do Senhor. Querem apenas usá-lo para a satisfação de seus próprios interesses, por isso usam também as pessoas que estão à sua volta. Estes, de acordo com Jesus, não herdarão o seu Reino.
Fundamental para Jesus não é o que fazemos em seu nome, mas o quanto buscamos nos parecer com ele e o quanto buscamos ser íntimos do seu coração.  Em um século onde somos tão cobrados em relação aos nossos resultados diante das pessoas, Deus quer de nós que tenhamos o primeiro mandamento em primeiro lugar. Ele quer que o amemos de todo o coração, mente e forças. Seremos julgados pelo nosso caráter e não pelo que parecemos ser diante das pessoas.
Aquilo que nós chamados de unção, para Deus pode ser apenas barulho, como diz I Coríntios 13:
“Ainda que eu fale as línguas dos homens e dos anjos, se não tiver amor, serei como o sino que ressoa ou como o prato que retine…”

Que caminhemos em temor!

“Nem todo aquele que me diz:‘Senhor, Senhor’, entrará no Reino dos céus, mas apenas aquele que faz a vontade de meu Pai que está nos céus. Muitos me dirão naquele dia:‘Senhor, Senhor, não profetizamos em teu nome? Em teu nome não expulsamos demônios e não realizamos muitos milagres? ’ Então eu lhes direi claramente:Nunca os conheci. Afastem- se de mim vocês, que praticam o mal!” Mateus 7:21-23

7 29 outubro

Resolução de conflitos

Toda história tem duas versões, a menos que você seja Deus.

Conflitos dificilmente serão solucionados se insistirmos em estar com a razão. As dificuldades nos relacionamentos: sejam no casamento, no trabalho, no ministério ou de qualquer outro tipo, só se resolvem quando as duas partes concordam com Deus. E concordar com Deus significa entender que ambas as nossas razões são recheadas de egoísmo e imediatismo, enquanto a razão de Deus verdadeiramente trata os seres humanos com igualdade e visa uma eternidade de plenitude a todos. As intenções imaculadas de Deus se comprovam pela dádiva absoluta de Cristo Jesus. Estabelecendo seu reino de amor, justiça, juízo, verdade, paz e alegria, não haverá quem subjugue o próximo, não haverá quem obtenha poder à custa do fracasso de outros. Não haverá o sentimento de orgulho que rege o presente século. Quando as razões de Deus nos são reveladas, elas nos geram a única coisa capaz de dar um fim às guerras: o quebrantamento.

“Se for possível, quanto depender de vós, tende paz com todos os homens.” Romanos 12:5-18

1 28 outubro

Mogi Guaçu/SP

Pregando na Marcha para Jesus em Mogi Guaçu. Cerca de 300 decisões por Jesus! Somos gratos ao Senhor Jesus por nos usar apesar de nós. Aos irmãos tão queridos, nosso carinho. Um grande abraço a todos!

1 28 outubro

Novo Horizonte/SP

Noite de renovo,  libertação e muitas decisões por Jesus. Toda glória a ele!

4 21 outubro

Varginha/MG

Igreja em oração na Marcha em Varginha/MG. Noite de renovo e muitas decisões por Jesus. Toda glória a ele!

1 30 setembro

São Paulo/SP

Aqui no Congresso de Mulheres da Igreja Bola de Neve foi uma bênção. Amamos muito a todos os paulistanos que servem a Jesus com um coração tão cheio de carinho. Muito obrigada São Paulo!

1 23 setembro

Itapemirim/ES

“E disse-lhes: Vinde após mim, e eu vos farei pescadores de homens.”
Mat4:19. Noite abençoadora em Itapemirim ontem à noite. Salvação e renovo. Toda glória a Jesus! Um abraço a todos os irmãos queridos que nos receberam.

32 18 setembro

Nívea anuncia um segredo maravilhoso

http://www.youtube.com/watch?v=Gl8wiIxCI2I

2 16 setembro

Miraí/MG

 

Noite de adoração e despertamento em Miraí/MG. Que o Espírito Santo nos conduza às profundezas do coração de Deus. Agradecemos o carinho de todos!

5 06 setembro

O foco da adoração

“Disse a mulher:“Senhor, vejo que é profeta. Nossos antepassados adoraram neste monte, mas vocês, judeus, dizem que Jerusalém é o lugar onde se deve adorar. Jesus declarou: “Creia em mim, mulher:está próxima a hora em que vocês não adorarão o Pai nem neste monte, nem em Jerusalém.” “No entanto, está chegando a hora, e de fato já chegou, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade. São estes os adoradores que o Pai procura.” João 4:19-21, 23.

Assim como os Samaritanos e os Judeus nos dias de Jesus, às vezes ainda associamos a adoração à ocasiões, à lugares e às pessoas. Focos idólatras que centralizam o homem.

Jesus ensina que o foco da verdadeira adoração precisa ser o relacionamento íntimo com o Deus que é Pai através de Jesus. A adoração é fundamentada no conhecimento dele. Quanto mais o Espírito Santo nos revela o caráter e a grandeza de Deus, mais nos rendemos, mais submetemos a ele nossa vontade e o nosso amor. A adoração parte do conhecimento de Deus.

Filipenses 2:9 diz que porque Jesus se humilhou até a morte “Deus o exaltou à mais alta posição e lhe deu o nome que está acima de todo nome”. Ele é digno de adoração e de honra. Ele tem todo poder no céu e na terra!

Se Jesus, expressão exata de Deus Pai, soberano sobre todas as coisas, dono de toda glória e beleza, não for o centro da nossa adoração, certamente será apenas um adorno que usamos para a adoração de nós mesmos.

Se nossa adoração se baseia apenas em momentos de ajuntamento, plataformas ou em”quem está ministrando”, devemos questionar nosso foco. Já reparou o quanto as canções que cantamos nos momentos de culto nos colocam como sujeitos principais? É como se tudo girasse à nossa volta, incluindo Deus. Falamos tanto de nós mesmos, dos nossos sonhos, das nossas dores, das nossas necessidades. Vamos à igreja como um consumidor vai a uma loja e escolhe o que mais lhe agrada. Tratamos Deus como se ele fosse um objeto secundário, alguém que existe apenas para atender as nossas necessidades. Não me entenda mal. As canções que falam de necessidades e de sentimentos humanos têm o seu lugar. A Bíblia nos orienta a não andarmos ansiosos, mas a apresentarmos diante de Deus as nossas necessidades (Filipenses 4:6).

Creio que precisamos focar um pouco mais em quem Jesus é, na sua glória, na sua majestade, na sua simplicidade, enfim, há tanto o que falar sobre ele.  A Bíblia inteira nos mostra Jesus, como ele veio na primeira vez e como ele virá para banir toda maldade e reinar sobre a terra. Tudo gira em torno dele! Dele por ele e para ele são todas as coisas! Quando cantamos sobre ele, quando cantamos sua palavra, recebemos mais de quem ele é e nossas feridas são curadas. Quanto mais nos centramos em Jesus, mais tomamos consciência de que somos filhos de Deus, e de que ele já fez por nós o melhor, ele já nos deu tudo de si e é fiel para nos suprir em tudo o que necessitamos. Quanto mais fixamos nossos olhos em Jesus mais percebemos o quanto ele e o Pai nos amam de todo o seu coração. Por isso Deus quer que o amemos da mesma forma. Que HOJE o Espírito Santo nos revele a beleza de Cristo Jesus e a grandeza do amor de Deus Pai. Que ele seja o centro da adoração. A Jesus toda glória!

2 03 setembro

Uberlândia/MG

Sábado em Uberlândia/MG no ajuntamento das igrejas para o aniversário da cidade. Tempo precioso em família!

0 30 agosto

Box CD + DVD Acústico edição limitada

Está disponível em nossa loja virtua www.lojaniveasoares.com a edição limitada em Box CD+DVD do álbum “Nívea Soares Acústico”, gravado ao vivo no Citibank Hall (SP). Produzido com acabamento especial, o Box traz ainda um encarte de fotos exclusivas da gravação.

13 30 agosto

Programa Lugar Secreto

Excepcionalmente neste sábado, dia 31/08/2013, às 18:30h será exibido o 11º episódio do programa Lugar Secreto na Rede Super. Não perca!

5 19 agosto

Só quem tem olhos na eternidade

“Então Jesus disse aos seus discípulos: “Se alguém quiser acompanhar- me, negue- se a si mesmo, tome a sua cruz e siga- me. Pois quem quiser salvar a sua vida, a perderá, mas quem perder a sua vida por minha causa, a encontrará. Pois, que adiantará ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma? Ou, o que o homem poderá dar em troca de sua alma? Pois o Filho do homem virá na glória de seu Pai, com os seus anjos, e então recompensará a cada um de acordo com o que tenha feito.”Mateus 16:24-27

As renúncias que precisamos fazer por Jesus nesta pequena vida, não se comparam à recompensa eterna que teremos nele quando ele vier para buscar a igreja. Precisamos manter os olhos na eternidade.

A inversão de valores dos nossos dias (até mesmo na igreja) onde despreza-se o que é precioso e valoriza-se o que é sem valor, nos leva a viver um estilo de vida alheio à eternidade. Mergulhamos nos prazeres do mundo, no pecado e nas ansiedades desta vida, como se Jesus não fosse voltar.

Quem tem olhos na eternidade prioriza o seu relacionamento com Deus e zela para que as suas atitudes e as suas decisões diárias tragam glória ao nome de Jesus.

Quem tem olhos na eternidade procura repartir o pão e não acumular para si. Entende que ser próspero é poder atender às necessidades do outro e não mergulhar na ostentação que cega este mundo.

Quem tem olhos na eternidade busca ser manso e humilde como Jesus. Quem tem olhos na eternidade não negocia valores eternos por aquilo que é temporário.

Quem tem olhos na eternidade entende que seu corpo é templo do Espírito Santo e não escravo da prostituição e da promiscuidade.

Quem tem olhos na eternidade entende que Jesus é infinitamente mais precioso do que qualquer prazer momentâneo que se possa ter, e que uma vida rendida é a adoração que ele espera receber de nós.

Que o amor voluntário por Jesus, e que a visão da eternidade cresçam em nós e venham reger nosso estilo de vida e decisões. Que o Espírito Santo nos revele a beleza e a preciosidade incomparáveis de Jesus para que sejamos cada vez mais atraídos a ele. Que a renúncia do “eu” e o amor doador voltem a ser uma marca em nós que nos chamamos “cristãos” nestes dias tão confusos. Ajuda-nos Espírito Santo!

9 09 agosto

Casa em Ordem

“Pois chegou a hora de começar o julgamento pela casa de Deus; e, se começa primeiro conosco, qual será o fim daqueles que não obedecem ao evangelho de Deus?” I Pedro 4:17

Antes que Jesus volte para julgar o mundo por toda sua injustiça e pecado, ele julgará sua igreja. Trará luz e correção à injustiça de seu povo. Endireitará os caminhos tortos, derrubará os fundamentos falsos e confrontará os ídolos do nosso coração. Ele restaurará o temor de seu nome em sua igreja.
Estes são tempos para sondar o coração, permitir que Deus endireite nossos caminhos, nos faça valorizar o que é realmente precioso e jogar fora aquilo que não tem valor. Voltemos ao Senhor!

2 06 agosto

Andar na Luz

Meditando em I João1:5-7.

Deus nos vê como somos, não como nos mostramos às pessoas. Às vezes, diante das pessoas, temos dificuldade de reconhecer nossos erros e mazelas e usamos capas de justiça própria para esconder nossas imperfeições. Essa dissimulação impede a comunhão com Deus e com o próximo. Criamos muros intransponíveis ao nosso redor.

O relacionamento com Deus começa quando reconhecemos nossos pecados e nossa incapacidade de mudarmos por nós mesmos. Felizes são os pobres de espírito! (Mateus 5)

O real relacionamento com o próximo começa quando nos encontramos em Deus neste lugar de transparência e de dependência constantes da graça de Jesus.

À luz da palavra de Deus todos nós somos pecadores e necessitamos dele. Andando nesta luz temos comunhão com outros. Fora desta luz há apenas religiosidade e dissimulação.
Que a luz do Senhor brilhe sobre nós neste dia, banindo toda treva e mostrando os lugares onde precisamos de transformação. Que sejamos apenas dele!

“Esta é a mensagem que dele ouvimos e transmitimos a vocês: Deus é luz; nele não há treva alguma. Se afirmarmos que temos comunhão com ele, mas andamos nas trevas, mentimos e não praticamos a verdade. Se, porém, andarmos na luz, como ele está na luz, temos comunhão uns com os outros, e o sangue de Jesus, seu Filho, nos purifica de todo pecado.” I João 1:5-7

5 31 julho

Unidade ou Ecumenismo?

A igreja de Cristo Jesus caminha sobre um fundamento: Jesus é o ungido Filho de Deus. Conhecê-lo, segui-lo, entronizá-lo é nosso propósito!

A Bíblia não ensina sobre o ecumenismo (no senso comum entendemos o termo como sendo a unidade entre diferentes crenças ou religiões), mas ensina sobre a unidade que existe entre os que têm o mesmo fundamento de fé e o mesmo Espírito.

A união por causa de interesses comuns deve permanecer até que esses interesses sejam alcançados. Numa luta contra algo o aborto, por exemplo, a unidade é fundamental em favor da vida.

A unidade é gerada apenas pelo Espírito Santo e a unidade gerada pelo Espírito durará por toda a eternidade, não é firmada com base em interesses pessoais, mas na liderança eterna de Jesus.

“Sejam completamente humildes e dóceis, e sejam pacientes, suportando uns aos outros com amor. Façam todo o esforço para conservar a unidade do Espírito pelo vínculo da paz. Há um só corpo e um só Espírito, assim como a esperança para a qual vocês foram chamados é uma só; há um só Senhor, uma só fé, um só batismo, um só Deus e Pai de todos, que é sobre todos, por meio de todos e em todos”. Efésios 4:2-6

1 29 julho

São Paulo/SP

Noite abençoada na Igreja Quadrangular de Vila Ema. Obrigada pastor Rinaldi e sua linda família e a todos os irmãos por nos receberem com tanto carinho. Que o Senhor Jesus os recompense. Grande abraço.

1 25 julho

Mutum/MG

Gratos ao Senhor Jesus pelas vidas salvas e libertas nessa noite! Que nossos olhos sejam abertos para reconhecer o quanto Jesus é mais precioso que tudo. Grande abraço a todos!